fbpx
Procurando por algo?

FSADU lança 3ª Revista Científica e Tecnológica

Profa. Maria do Rosário Almeida, da comissão editorial da Revista Científica, compartilha etapas de produção da publicação

Com o objetivo de contribuir para a pesquisa e produção da ciência no Maranhão, a Fundação Sousândrade (FSADU) lançou hoje (30) a terceira edição da sua Revista Científica e Tecnológica.

A revista contempla 12 artigos de alunos da Universidade Federal do Maranhão, dos cursos de especialização realizados em parceria com a FSADU e de professores de diversas instituições de ensino.

Presidente da FSADU, Evangelina Noronha: “Conhecimento documentado”

Estiveram presentes a diretora-presidente Evangelina Noronha, conselheiros, autores dos artigos, empregados e parceiros. “Parabenizo autores e equipe organizadora desta revista, pois o conhecimento precisa ser documentado”, disse a diretora-presidente, dizendo, em seguida, aos alunos: “Produzam, não parem de ler, de estudar. E divulguem o que produzirem. Não pratiquem o egoísmo intelectual”.

A conselheira da Fundação e professora da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Sirlene Pinheiro,  disse estar honrada por fazer parte do Conselho Curador e ter acompanhado o desenvolvimento desta terceira edição.

O conselheiro curador da FSADU, Jhonatan Almada, e reitor do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) falou de seu contentamento pelo avanço da revista. “Eu vi esta revista nascer e parabenizo por sua continuidade. Aproveito para destacar a gestão de alta respeitabilidade da presidente Evangelina Noronha e parabenizar a todos da Fundação Sousândrade, pelos serviços importantes prestados para a sociedade”, disse o conselheiro.

Conselheiro da FSADU, Jhonatan Almada: “Vi esta revista nascer”

Conselheira da FSADU,  profa. Sirlene Pinheiro: “Honrada”

A representante da comissão editorial da Revista Científica e Tecnológica, professora Maria do Rosário Almeida, compartilhou as etapas da produção da revista. “É muito difícil uma produção como esta, que depende de muitas pessoas, mas a informação científica tem que ser registrada”, disse ela. “Recomendo que leiam os artigos, observem a referência bibliográfica e consultem os autores citados nos artigos. Isso é de fundamental importância”.

Estiveram presentes os conselheiros da Fundação Sousândrade Waldenecy Araújo, Raimundo Palhano, Sílvia Moreira Lima, André Bello de Sá, Luiz Ferreira, Sebastião Moreira Duarte e Rubem Ferro. Todos receberam a versão impressa da revista e sua versão digital será disponibilizada neste portal.

TEMAS DOS ARTIGOS E RESPECTIVOS AUTORES

  • A Influência da herança cultural na linguagem dos falantes no contexto escolar e social de São Luís
    Waléria Cristina Soares Pereira
  • A literatura infanto-juvenil como ponto de partida para o desenvolvimento cognitivo da criança
    Kelyany Souza Ferreira
    Evandro Abreu Figueiredo Filho
  • As teorias organizacionais no âmbito da gestão da educação
    Fernando de Jesus Costa
  • Ensino de língua portuguesa e as TIC`s: percepções dos professores de língua portuguesa das escolas públicas municipais de São Luís
    Raimundo Nonato Pinheiro
  • Estudo de viabilidade de São Luís- Maranhão como um modelo de cidade inteligente
    Joanilda Martins Rocha
    Maria Manuela Santos Natário
  • Gestão escolar e contra-hegemonia: uma relação necessária e possível
    Albiane Oliveira Gomes
    Cassio Vale
  • O proletariado maranhense ameaçado de ficar sem teto: reportagem de 1929 do jornal O Povinho sobre a disputa de terra em São Luís
    Márcio Henrique Baima Gomes
  • O sistema de controle interno em uma Fundação de Apoio: A Fundação Sousândrade de Apoio à Universidade Federal do Maranhão- FSADU
    Luciana Lima de Portela Vidigal
  • O valor dos tratados internacionais e a sua influência no ordenamento jurídico brasileiro
    Virgínia Maria Rosa Praseres de Miranda
  • Os modelos de gestão como fonte de mudança no comportamento humano nas organizações
    Ivaldo Santos Vidigal Junior
  • Percepção dos alunos do 6º ano do Ensino Fundamental das escolas municipais da zona sul de Teresina (PI) sobre o ensino de Geografia e da aprendizagem dos conceitos geofráficos
    Kamila Keila de Sousa Rosa
    Núbia Araújo Sena
    Liége de Souza Moura
  • Silva Maia e Tarquínio Lopes Filho: atuação na Medicina e no contexto social do Maranhão entre os séculos XIX e XX
    Ana Beatriz Sousa Costa
    Laís Cristina Aguiar de Castro

HOMENAGEM PELA OAB

Após o lançamento da Revista Científica e Tecnológica, o diretor geral da Escola Superior da Advocacia (ESA) da Ordem dos Advogados do Brasil (0AB), secção Maranhão, professor João Batista Ericeira, realizou a outorga do diploma pelo centenário do curso de Direito da Universidade Federal do Maranhão à diretora-presidente da Fundação Sousândrade, Evangelina Noronha, e aos conselheiros do Conselho Curador, Jhonatan Almada e Raimundo Palhano.

Justificando as homenagens, o diretor da ESA, João Batista Ericeira, falou sobre parceria. “A presidente é nossa parceira nos cursos de pós-graduação da OAB e foi bastante pró-ativa no centenário, assim como os conselheiros que deram contribuição intelectual para a celebração da faculdade de Direito”, disse. “É uma honra para mim. Não há nada melhor do que termos nosso trabalho reconhecido”, agradeceu a diretora Evangelina Noronha.

Sobre a Faculdade de Direito– Foi criada por uma associação privada, no dia 28 de abril de 1918. Depois, foi encampada pelo Governo do Estado, depois passou a ser uma autarquia federal e absorvida pela Universidade Federal do Maranhão. “É uma instituição que precisa ser celebrada, pois foi definitiva para a formação de vários líderes políticos e jurídicos do Maranhão. A OAB, por exemplo, não existiria não fosse a faculdade de Direito”, finalizou João Batista Ericeira.