fbpx
Procurando por algo?

Projetos Sociais

Entrelinhas – Alfabetização

O projeto de extensão “Entrelinhas: Alfabetização Dialógica” é um desdobramento do Grupo de Estudos e Pesquisa sobre o ensino da leitura e da escrita como processos dialógicos (GLEPDIAL) com o objetivo de  contribuir para uma mudança social efetiva nos níveis de analfabetismo.
O projeto atende alunos não alfabetizados que estão matriculados nas escolas municipais pertencentes aos Núcleos Centro e Coroadinho, bem como os vendedores ambulantes, flanelinhas e demais trabalhadores que atuam no centro de São Luís.
A coordenação está sob a responsabilidade das pedagogas:
Joelma Reis Correia, doutora em Educação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP), Mestre em Educação pela UNESP, coordenadora do Grupo de Estudos e Pesquisa “Ensino da Leitura e da Escrita como Processos Dialógicos- GLEPDIAL” ;
Edith Maria Batista Ferreira, mestra em Educação (Universidade Federal do Maranhão), Especialização em Psicopedagogia, coordenadora do Grupo de Pesquisa “Ensino da Leitura e da Escrita como Processos Dialógicos- GLEPDIAL” e membro da coordenação do Núcleo de Educação Infantil da UFMA.
OBJETIVOS
GERAL
Alfabetizar crianças que estão em fase de conclusão do Ciclo de Alfabetização e jovens e adultos qye atuam como trabalhadores informais no Centro da cidade de São Luís
ESPECÍFICOS
I. Mapear os alunos não alfabetizados em fase de finalização do Ciclo de Alfabetização nas escolas públicas municipais dos Núcleos Centro e Coroadinho;
II. Realizar chamada pública para divulgação e matrícula de jovens e adultos trabalhadores informais do centro de São Luís, não alfabetizados do Projeto de Extensão;
III. Promover ações de extensão universitária, no campo da alfabetização de crianças, jovens e adultos, envolvendo alunos do curso de Pedagogia da Universidade Federal do Maranhão, como experiência formativa para atuação profissional futura e responsabilidade social da UFMA;
IV. Desenvolver metodologias de alfabetização cuja unidade básica para a aprendizagem da leitura e da escrita seja o texto;
V. Sistematizar os resultados do projeto de extensão, compartilhando a experiência com as escolas da rede municipal de São Luís e alunos do curso de Pedagogia da UFMA;
VI. Desenvolver ações de formação continuada, tendo como referencial teórico a Teoria Histórico Cultural e a Teoria da Enunciação, em articulação com o Grupo de Estudo e Pesquisa “O ensino da leitura e da escrita como processos dialógicos” – GLEPDIAL.
PÚBLICO-ALVO
  • Alunos não alfabetizados em fase de finalização do ciclo de alfabetização nas escolas públicas municipais do Núcleos Centro e Coroadinho;
  • Trabalhadores informais não alfabetizados, atuantes no centro de São Luís.
METODOLOGIA
  • Seleção de alunos do curso de Pedagogia para atuarem como bolsistas no Projeto e formação inicial com esses bolsistas;
  • Encontro com pais e responsáveis das crianças interessadas para apresentação do projeto e sua metolodogia;
  • Realização das aulas durante três dias da semana;
  • Encontros quinzenais com os bolsistas pra avaliação e planejamento dos trabalhos;
  • Realização de encontros mensais de formação continuadas com os bolsistas;
  • Sistematização da experiência em Diário de Bordo e em outros mídias e suportes: fotografia, vídeos, etc;
  • Reuniões bimestrais com as escolas e famílias para acompanhamento e monitoramento do projeto;
  • Relatório mensal;
  • Sistematização dos resultados do projeto de extensão em formato de livro;
  • Realização de seminário para socialização da experiência com as escolas da rede municipal de São Luís do Núcleo Centro e Coroadinho e alunos/as do Curso de Pedagogia- UFMA.
  • Dia e horário: 2ª, 4ª e 6ª (8h às 12h)