fbpx
Procurando por algo?

Diretora da FSADU homenageada por mérito cultural

A diretora-presidente da Fundação Sousândrade (FSADU), Evangelina Noronha, foi homenageada nesta sexta (20) pela Sociedade de Cultura Latina do Brasil (SCLB), com a medalha Joaquim Duarte Baptista do Mérito Literário e Cultural. A SCLB é entidade civil, sem fins lucrativos, e conferiu a comenda pelos relevantes serviços prestados a favor da educação e cultura latina.

A homenagem ocorreu durante o IV Encontro Nacional da SCLB, no Convento das Mercês, em comemoração aos 30 anos da entidade. Na abertura do encontro, com duração de três dias, a obra do poeta Sousândrade foi o tema da mesa-redonda. Os escritores José Neres (MA) falou sobre O Guesa: um breve passeio pela épica de Sousândrade, e Luiza Lobo (RJ), sobre A importância de Sousândrade no panorama da literatura épica internacional, com mediação do presidente da SCLB no Maranhão, Paulo Melo Sousa. Durante o evento, uma das obras mais renomadas de Sousândrade, O Guesa, esteve em exposição ao público.

Segundo a presidente da SCLB, Dilercy Adler, o encontro em São Luís cumpriu seus objetivos, tais quais: congregar os povos latinos presencialmente ou por meio de trabalhos organizados coletivamente, a exemplo da I Coletânea poética da SCLB: construindo pontes; divulgar a cultura larina e refletir sobre o papel da mulher latina na cultura de seus países.

Sobre a SCLB– A primeira Sociedade de Cultura Latina foi fundada em 1909, em Lácio, próximo à Roma, na Itália. Em 1942, foi fundada em Portugal e, no Brasil, chegou por meio de pessoas devotadas à cultura que protagonizaram o pioneirismo nessa perspectiva. Posteriormente, o português Joaquim Duarte Baptista trabalhou no sentido do fortalecimento da SCLB, estimulando a criação de núcleos em todo o Brasil.

Nos dias 24 e 25 de julho de 1988, Joaquim Duarte Baptista oficializou a entidade no âmbito nacional, por meio de uma Assembleia Geral, na Casa de Portugal, em São Paulo.